Justiça de SP nega pedido de seguradoras e ANAC pode executar garantias de Viracopos

da Agência iNFRA

Em decisão desta terça-feira (13), a Juíza da 8ª Vara Cível de Campinas Bruna Marchese e Silva negou pedido da seguradora da concessão do Aeroporto de Viracopos (SP), Swiss Re Corporate Solucition Brasil, para não serem obrigadas a pagar à ANAC (Agência Nacional de Aviação Civil) pelo seguro garantia referente a execução do contrato de concessão. A informação foi antecipada pelo serviço de mensagens da Agência iNFRA.

As seguradoras estão sendo cobradas pelo não pagamento das outorgas do Aeroporto vencidas em 2017 e devidas pela Aeroportos Brasil Viracopos, empresa em recuperação judicial.

A juíza, que é responsável pelo processo de recuperação judicial da concessionária, entendeu que a Agência tem o direito de manter os processos e cobranças referentes ao aeroporto mesmo correndo a ação de recuperação judicial. As empresas alegavam que a recuperação judicial suspenderia a execução do seguro, mas a juíza entendeu este não ser um item entre os que estão protegidos de execução pela agência.

Com isso, a ANAC, que já inscreveu no Cadin (Cadastro de Inadimplentes) e ajuizou execuções fiscais, vai seguir os procedimentos para cobrar o valor total de R$ 316 milhões contra a Swiss Re Corporate Solucition Brasil.

Tags:

Compartilhe essa Notícia
Facebook
Twitter
LinkedIn

Inscreva-se para receber o boletim semanal gratuito!

Inscreva-se no Boletim Semanal Gratuito

e receba as informações mais importantes sobre infraestrutura no Brasil

Cancele a qualquer momento!

Solicite sua demonstração do produto Publicidade e Branded Content

Solicite sua demonstração do produto Realização e Cobertura de Eventos

Solicite sua demonstração do produto Boletins e Alertas

Solicite sua demonstração do produto Fornecimento de Conteúdo